domingo, 24 de julho de 2011

Anna e o Beijo Francês - Stephanie Perkins


“Isto é tudo o que sei sobre a França: Madeline, Amélie e Moulin Rouge. A Torre Eiffel e o Arco do Triunfo também, embora eu não saiba qual a verdadeira função de nenhum dos dois. Napoleão, Maria Antonieta e vários reis chamados Louis. Também não estou certa do que eles fizeram, mas acho que tem alguma coisa a ver com a Revolução Francesa, que tem algo a ver com o Dia da Bastilha. O museu de arte chama-se Louvre, tem o formato de uma pirâmide, e a Mona Lisa vive lá junto com a estátua da mulher sem braços. E tem cafés e bistrôs — ou qualquer nome que eles dão a estes — em cada esquina... Não é que eu seja ingrata, quero dizer, é Paris. A Cidade Luz! A cidade mais romântica do mundo.”

Sinopse: "Anna Oliphant não está nada entusiasmada com a ideia de se mudar para Paris, já que seu pai, um famoso escritor norte-americano, decidiu enviá-la para um colégio interno na Cidade Luz. Anna prefere ficar em Atlanta, onde tem um bom emprego, uma melhor amiga fiel e um namoro prestes a acontecer. Mas, ao chegar a Paris, Anna conhece Étienne St. Clair, um rapaz inteligente, charmoso e bonito. Só que Etiénne, além de tudo, tem uma namorada... Anna e Etiénne se aproximam e as coisas ficam mais complicadas. Será que um ano inteiro de desencontros em Paris terminará com o esperado beijo francês? Ou certas coisas simplesmente não estão destinadas a acontecer?"

Vou começar contando que iniciei esse livro as oito da noite e só parei de ler quando terminei-o, as três horas da manhã...que leitura gostosa! Pode parecer mais um daqueles romances juvenis, bobinho, mas adorei! Primeiramente, porque se passa na cidade dos meus sonhos, que um dia irei conhecer (se Deus quiser e o dinheiro ajudar...rs). É impossível não querer estar na pele de Anna, passeando pelos lugares famosos e históricos, como a Catedral de Notre-Dame, o Arco do Triunfo e até a livraria Shakespeare and Company. Muita gente pode imaginar como alguém poderia achar ruim ir estudar na maravilhosa Cidade Luz, como acontece com Anna no começo, mas eu entendo (mais ou menos...rs)...quem não foi adolescente que atire a primeira pedra! Largar a vida que gosta para trás, os amigos, paqueras...mesmo que seja para ir para um ótimo lugar não é muito fácil mesmo.

Voltando ao livro...o que é esse St. Clair, meu Deus do céu?!? Fiquei morrendo de vontade de ser jovem novamente para encontrar um garoto como ele e me apaixonar pela primeira vez..rs..ele é fofo demais! Não é perfeitinho, como muitos mocinhos em sucessos recentes, tem seus defeitos, suas insegurancas, mas  é encantador e apaixonante. Vou confessar que tive vontade de dar uns tapas nessa Anna algumas vezes e que fiquei impaciente com o fato do romance não se desenrolar logo, com tantos encontros e desencontros...

Adorei o fato de Anna ser apaixonada por cinema e citar tantos filmes bons, como um da Sofia Coppola que é um dos meus preferidos, Lost in Translation. Achei  engraçado  o pai de Anne lembrar bastante o escritor Nicholas Sparks, que escreve livros com finais quase sempre tristes, nos quais a heroína ou herói, morre de alguma forma trágica ou tem alguma doença incurável....adoro os livros dele, mas esses finais as vezes cansam...rs

Finalizando, o livro é uma graça, a leitura, deliciosa..ri, chorei, fiquei agoniada para eles se acertarem..vale a pena!

"É possível que lar seja uma pessoa e não um lugar?"


 Site da escritora:  http://stephanieperkins.com/. Nele, podemos ver os próximos lançamentos da autora, como esse:


Lançamento: 29 de setembro de 2011 nos EUA (oba, vou poder comprar logo!). O outro livro se chama Isla and the Happily Ever After e será lançado apenas no outono de 2012. Ah, o blog dela é  legal também.

Obs. Tem sorteios rolando no meu blog, fiquem espertos e participem!!

16 comentários:

  1. Lia eu amei esse livro. Eu cheguei a tuitar que ele é deliciosamente romântico rsrsrs

    Bjsss

    ResponderExcluir
  2. Concordo, Luka, muito romântico mesmo! Bjs

    ResponderExcluir
  3. Ei Lia,

    Este livro está nos meus tops desejados, todo mundo fala super bem e estou super curiosa para conferir a história.

    bjo
    Nanda

    ResponderExcluir
  4. Acho que esse livro não tem contra-indicação viu, realmente é muito lindo e gostoso de ler *-*

    ResponderExcluir
  5. Leia, Nanda, vai amar!! bjs

    Oi, Carol
    Nao tem mesmo, concordo! Bjs

    ResponderExcluir
  6. Ah eu vou ler, também sonho em ir a Paris - o enredo me interessou e achei curioso esse lance do pai Nicholas Sparks dela.

    Bjus

    ResponderExcluir
  7. Oi Lia, adorei sua resenha tb :)
    E vc tem toda razao, da vontade de ser jovem de novo e conhecer um garoto tao fofo como o nosso protagonista do livro :)

    Adorei seu cantinho, vou vir sempre ;)

    beijos
    Lili

    ResponderExcluir
  8. Oi, Claudia
    Eu achei bem engraçado ela ter brincado um pouco com o Nicholas Sparks...rs
    E Paris...ah, é um sonho mesmo!! Bjs

    ResponderExcluir
  9. Oi, Lili
    Obrigada pelo elogio! Adorei seu blog tb! Bjs

    ResponderExcluir
  10. Nos últimos anos tenho lido cada vez menos ficção, mas depois que fui parar no mundo dos blogs, ando revendo isso, pois várias resenhas me chamam a atenção. Como esta. Beijão!

    ResponderExcluir
  11. Adquiri o romance Anna e o Beijo Francês ontem, graças a sua dica, obrigada!!!!

    ResponderExcluir
  12. Achei seu blog de novo! Que alívio...vou aprovetar pra trocarmos didas de livros. Ainda mais agora que voltei do Brasil, o outomo aqui na Holanda começou e eu ainda estou de ressaca emocional da viagem.

    Felizmente tenho sempre os livros, meus fiéis companheiros. Vou procurar este Anna e o Beijo Francês por aqui (em inglês). Parece ser uma leitura leve e agradável...tô precisando!

    No momento estou lendo (ou melhor degustando) o belo livro The Museum of Innocence, do autor premiado turco Orhan Pamuk. Vale conferior!

    greetings from rainy Amsterdam

    ResponderExcluir
  13. Oi, Beth!
    Que bom te ver por aqui novamente!! Eu estou meio sumida da "blogosfera" por causa das férias de verão, que felizmente terminaram ontem...rs
    Mas sempre dou uma passadinha no seu blog, que adoro!
    Esse livro é bem levinho e gostoso de ler...ah, adoro Orhan Pamuk mas nunca li esse que vc está lendo, vou procurar! Bjs

    ResponderExcluir
  14. Somos realmente parecidas, olha o que escrevi sobre esse livro:
    http://lereamar.blogspot.com/search/label/Anna%20e%20o%20Beijo%20Franc%C3%AAs

    Paris também é meu sonho!!!!

    ResponderExcluir
  15. Um dia vou para lá, Aliny...bjs

    ResponderExcluir

Adoro ler comentários...na medida do possível, responderei aqui mesmo