terça-feira, 20 de julho de 2010

Confie em Mim - Harlan Coben

"Até onde você iria por amor à sua família?"

A vida no subúrbio de Livingston parece perfeita. Ao olhar para aquelas mansões, todos acreditam que as pessoas que vivem ali são plenamente felizes. Mas a verdade é que, como em qualquer lugar do mundo, cada uma daquelas famílias tem a sua tragédia particular.

Mike e Tia Baye, preocupados com seu filho Adam, resolvem invadir a privacidade do garoto e espioná-lo. Betsy Hill sente-se culpada por não ter percebido as mudanças no comportamento de seu filho Spencer e por não ter feito nada que pudesse evitar seu suicídio. Guy Novak cria sozinho Yasmin, e, embora seja um pai extremamente dedicado, não consegue impedir que um infeliz comentário de um professor torne a infância da menina um inferno. Lucas Loriman está gravemente doente e precisa de um transplante de rim, mas sua mãe, Susan, guarda um segredo devastador que pode arruinar a família.

Enquanto acompanhamos as dores, preocupações e angústias de cada um desses personagens, mergulhamos em uma aventura emocionante e cheia de mistérios, em que todas essas histórias, aparentemente independentes, se conectam num final surpreendente e arrebatador.

Em Confie em Mim, Harlan Coben nos faz pensar em como pais desesperados são capazes de ultrapassar os limites na tentativa de proteger os filhos.

Com o perdão do trocadilho...Confie em mim: esse livro é ótimo!! Faço parte de um grupo no Skoob chamado Skoobers do Interior de São Paulo e lá nasceu a ideia do Livro Viajante. Recebemos o livro, lemos e passamos adiante para a próxima pessoa da lista. O primeiro escolhido foi esse. Conhecia-o só de nome, nunca havia me interessado pela história. Bom, peguei o livro ontem à tarde e não consegui largar mais...só larguei quando terminei de ler, às duas da manhã...

Achei o estilo bem parecido com o filme Crash - No Limite, que ganhou o Oscar em 2006. Não é o tema que é parecido, e sim, histórias de pessoas que parecem não ter nada em comum, e no final, tudo se conecta. Assim é esse livro; no começo não parece fazer sentido, mas aos poucos, tudo vai se encaixando até o climax final. Também gostei da abordagem de temas muito atuais, como bullying, superproteção dos pais em relação aos filhos e a polêmica questão de até onde ir na vigilância dos adolescentes.

Como mãe, entendi perfeitamente algumas atitudes de alguns pais do livro; só quem tem filhos sabe que somos capazes de tudo para defendê-los. Além de prender a atenção, é um livro que faz pensar muito...E quando a gente acha que terminou, tudo solucionado...ainda tem mais revelações..rs..Excelente livro!

18 comentários:

  1. Oi Lia,
    Ainda não li este livro, mas com uma resenha dessas, logo q passar por ele de novo, trago-o para caso. Não sei se vc já leu Criança 44, de Tom Rob Smith. Também é um livro emocionante e de histórias que se conectam.
    Aforei a resenha
    Bjo!

    ResponderExcluir
  2. Oi, Aline
    Obrigada pelo elogio...já vi esse livro sim, sempre tive curiosidade para lê-lo. Agora que sei que é parecido com esse, fiquei com mais vontade ainda..bjs

    ResponderExcluir
  3. Que legal Lia!!!
    Esse livro parece ser legal! Eu tenho um livro desse autor aqui em casa, mas ainda não li...
    E que ideia é essa de Livro viajante?
    Adorei!
    bjus

    ResponderExcluir
  4. Oi, Beli
    Agora que li esse, fiquei querendo ler todos os outros do mesmo autor...leia o que vc tem e depois me conta se tb é bom.
    O Livro Viajante é uma iniciativa muito legal da San, do grupo Skoobers do interior de SP. Quem tem interesse em participar se compromete a ler o livro escolhido e passar adiante. Estou adorando participar! Bjs

    Oi, Luana
    Eu gostei muito mesmo

    ResponderExcluir
  5. Oi Lia, tem selinho intelectual pra você lá no blog!
    Bj
    Simone

    ResponderExcluir
  6. Eu adoro a idéia do filme Crash... legal o livro ser assim, vou ver se afano da minha mãe um dia desses hehe

    ResponderExcluir
  7. Adorei sua resenha. Parece realmente interessante este livro!

    ResponderExcluir
  8. Oi Lia! Vi esse livro nas Americanas, outro dia enquanto batia perna no shopping com uma amiga. Na hora me deu muita vontade de ler. E, agora com sua resenha, deu mais ainda. Beijos. :*

    ResponderExcluir
  9. Gostei da idéia do livro viajante. É só para São Paulo?

    ResponderExcluir
  10. Oi Lia!
    Tô com esse livro na estante. Já me falaram que é muito bom, mas ainda não tive tempo de ler.
    Adorie sua resenha
    Bjs

    ResponderExcluir
  11. Oi! Sabe eu ja tinha visto esse livro diversas vezes e até então não tinha nenhuma vontade de ler. Mas agora com a sua resenha, fiquei com vontade! Boa a resenha! Bjos

    ResponderExcluir
  12. Oi, Simone
    Amei o selinho...tb amo gatos..obrigada. Bjs

    Oi, Carol
    Empreste da sua mãe sim..vale a pena ler.

    Oi, Laura
    Muito obrigada! Bjs

    Oi, Juliana
    Que legal..vale a pena ler.

    ResponderExcluir
  13. Oi, Mom
    Acho que sim, pois é de um grupo no Skoob com pessoas do interior de SP.

    Oi, Hérida
    Obrigada pelo elogio..que bom que vc tem, eu li emprestado mas gostaria de tê-lo, achei muito bom..

    Oi, Aline
    Obrigada...bjs

    ResponderExcluir
  14. Coincidencias das coincidencias estava programando de ir hoje comprar esse livro.Agora mesmo é que vou compra-lo.bjkss

    ResponderExcluir
  15. Ei Lia,

    Este livro é muitoooo bom, eu tbm li assim em uma sentada sem conseguir parar e adorei.

    Agora se vc gostou do autor dizem que melhor ainda é o novo dele Desaparecido para sempre, eu comprei este e mais 1 mas ainda não li rs

    bjoo

    ResponderExcluir
  16. Oi, Nangy
    É um bom investimento, vale a pena.

    Oi, Nanda
    Obrigada pela dica, qdo puder vou comprá-lo. Bjs

    ResponderExcluir
  17. Oi Lia, caso você já tenha lido "Desaparecido para sempre" de Harlan Coben, preciso MUITO de sua ajuda. Acabei de ler o livro hoje e estou muito intrigada e curiosa, pois não entendi a conexão daquele recorte de jornal no parágrafo final do livro com o restante da história. Por favor ajude-me, senão não conseguirei dormir nunca mais. rsrsrrs. Desde já, muito obrigada. Beijos. Nelma.

    ResponderExcluir

Adoro ler comentários...na medida do possível, responderei aqui mesmo