quarta-feira, 10 de março de 2010

"Tudo o que é sólido pode derreter"- Série Teen sobre literatura na TV Cultura


Preciso assistir mais à TV Cultura...como eles não fazem propaganda dos programas em lugar nenhum (eu pelo menos nunca vi), ficamos sem conhecer séries interessantes como essa. Vi no jornal o lançamento de um box com 4 DVDs da primeira temporada, com 13 episódios, transmitida ano passado (à venda no site da Livraria Cultura por R$ 98,40). Os DVDs virão acompanhados de obras da literatura em formato e-Book. O lançamento acontecerá na Livraria Cultura do Shopping Bourbon Pompéia, no próximo dia 13 de março. Estão confirmadas as presenças do diretor e dos atores da série.


"Tudo o que é Sólido Pode Derreter é uma série juvenil que busca explorar de forma atraente e com bom muito humor o universo adolescente a partir do cotidiano de uma jovem, Thereza, que estuda na escola grandes obras da literatura de língua portuguesa, descobrindo e envolvendo-se com suas histórias.

Produzida pela Ioiô Filmes em parceria com a TV Cultura, a série é derivada do premiado curta-metragem de mesmo nome, dirigido por Rafael Gomes, que agora adapta a trama para uma construção dramatúrgica em capítulos.O curta-metragem Tudo o que é sólido pode derreter é uma porta de entrada para o universo shakespeariano. Contando a história de uma garota de 15 anos que tem de estudar a peça Hamlet, de Shakespeare, justamente numa fase em que sua vida está em crise, o filme coloca numa mesma mistura, entre outros, a solidão e a angústia características da adolescência, a vida escolar e a dor da perda de um parente querido – tudo permeado pela descoberta de um clássico da literatura universal. Assim, o curta acompanha a jornada de iniciação artística de uma garota inteligente e de vibrante vida interior. Conforme começa a compreender as inquietações do príncipe Hamlet, a protagonista passa a compartilhar de suas dores e, a partir delas, aprende a se fortalecer para a vida. Tudo O Que É Sólido Pode Derreter, o filme, mostra como Hamlet pode dialogar com o público jovem da atualidade, traçando paralelos entre livro e vida e construindo uma crônica juvenil delicada e divertida, que mescla humor e drama para abordar o tema da transição para a idade adulta.

Tudo o Que É Sólido Pode Derreter, a série, visa adaptar essa premissa para uma construção dramatúrgica em capítulos. Terá a mesma jovem do filme como personagem fixa, descobrindo e envolvendo-se, a cada episódio, com uma obra importante da literatura de língua portuguesa, seja ela um romance, uma peça de teatro ou um poema. Viajando por entre o O Auto da Barca do Inferno, Os Sermões, Os Lusíadas, Canção do Exílio, Senhora, Macário, Dom Casmurro, Ismália, Quadrilha, Uma Aprendizagem ou o Livro dos Prazeres, Quem Casa Quer Casa, O Guardador de Rebanhos e Macunaíma, a série dialoga com o público jovem da atualidade, traçando paralelos entre livro e vida e construindo uma crônica juvenil delicada e divertida, que mescla humor e drama para abordar o tema da transição para a idade adulta. Durante cada um dos 13 episódios, acompanhamos a aproximação da adolescente à obra em questão, traçando paralelos lúdicos e sentimentais. São amplamente exploradas as possibilidades cênicas e dramáticas do encontro entre a realidade juvenil retratada e o vasto mundo ficcional presente na obra literária.

A série busca equilibrar um tom realista, de observação das dores e alegrias da personagem adolescente, e o lado fantasioso de encontro entre a vida real urbana com todo um universo ficcional distinto, que possibilita à mente jovem ousados voos associativos e imaginativos. Possui um ponto de vista bastante subjetivo. O espectador é sempre guiado pelo olhar da protagonista e a costura entre seu cotidiano e a obra por ela estudada se dá através do seu mundo e de seus sentimentos. Para acompanhá-la nessa jornada pelo universo literário, Thereza conta com seus amigos Marcos, Letícia e João Felipe, sua rival, Dalila, seus pais, Marta e Décio, e a lembrança de seu falecido tio, Augusto." (retirado do site http://www.tvcultura.com.br/tudooqueesolido).

Descobri que ainda passa na TV, nas segundas-feiras as 18 horas e nos domingos as 13:30h. Também dá para assistir os episódios pela internet, no site citado anteriormente. Ontem assisti o episódio 5, baseado no livro "Senhora" de José de Alencar. É um programa leve, bem para adolescentes. Não se aprofunda muito nos livros, mas chama a atenção para a literatura nacional e pode ser a porta de entrada para muitos jovens que não se interessam por esses livros.

5 comentários:

  1. Olá Lia.

    Tv Cultura é a melhor tv do país ao lado do canal Futura, pena que ninguém nesse país faz propaganda das coisas boas ( com exceção de nós, amantes da cultura). Lá em Sp,essa tv correu o risco de fechar as portas por falta de dinheiro o que é um absurdo.

    Se você não se importa vou copiar e colar com os devidos créditos no meu blog.

    Ótima quinta-feira.

    ResponderExcluir
  2. Oi, Marcello
    É triste ver a cultura tão negligenciada em nosso país...
    Fique à vontade para reproduzir o post

    ResponderExcluir
  3. Que interessante... Vou dar uma olhada no site. TV Cultura tem ótimos programas, principalmente para o público infanto-juvenil. Bem melhores e mais educativos que os de outras emissoras.

    Bjs

    ResponderExcluir
  4. Oi Lia,
    Eu conhecia esse programa, assisti todos pela internet...rsrs
    Sua atitude é ótima!!
    Bj.

    ResponderExcluir
  5. Amei o seu blog...amo essa serie da tv cultura....
    por favor entre no meu blog tunbei por favor
    andynacksag.blogspot.com

    ResponderExcluir

Adoro ler comentários...na medida do possível, responderei aqui mesmo